terça-feira, 3 de agosto de 2010

O cavaleiro, parte 4: Desgraça.

O cavaleiro com esperanças, orgulhoso de seguir em busca de seu amor. Parti para o castelo e todos olham para ele enquanto ele seguia até o encontro de seu amor. Ele está poderoso... emanando uma energia sem fim... um calor que conquistava cada pessoa que estava perto. Ele estava feliz. Seguia todo esperançoso para o castelo. Finalmente o nobre cavaleiro, que estava com toda sua fé recuperada, chegou. E correndo com aquela armadura pesada se dirige para onde a princesa se encontra. Mas quando chega... ela está com outro. Trocando ternuras de amor. O cavaleiro quase cai quando viu a cena. A princesa viu... e não sabia o que dizer. Ela sabe de todo amor que ele tinha por ela. Sabia que era puro esse amor... mas mesmo assim decidiu não aceitá-lo. O cavaleiro totalmente arrasado se vira para partir, sem ao menos esperar seu amor falar. Todo aquele poder emanado, estava triste. Ele amava ela tanto... ele apenas correu... correu para o mais longe que podia. Entrou na escura floresta do reino... onde a luz do sol não conseguia entrar. Até chegar na colina que mostrava todo o reino... ele chorava muito. Parecia uma criança indefesa... - "Então aqui é o fim ou o começo?". Olha para ti espelho, e vejo não mais outra face... mas sim a cara metade de um homem... O futuro voltou. Mas não está com nenhuma mudança. Exatamente igual ao cavaleiro... chorando copiosamente... O cavaleiro entendeu a pergunta, e vendo que nada seu futuro mudou... viu que o que escolheu é o fim. Pegou sua espada... chorando muito pensando em sua amada... atravessa em seu peito. Caindo morto de culpa por não ter seu amor realizado... assim, o cavaleiro caiu.



... "Acorde cavaleiro. Sua vida não acabou." O cavaleiro acorda na completa escuridão. "Venha... aqui é o seu começo." Abrindo uma enorme porta, ele realmente percebe onde estava. O inferno aguarda aqueles que tiram a própria vida... o inferno é seu novo lar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário