segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Ah, esse valor...

Um dos posts mais visto no meu blog foi o do título valor...

http://umdiariosemvalor.blogspot.com/2010/11/valor.html

Mas agora lendo ele novamente e lendo o que a pessoa que foi direcionada falou. Vejo o quando esse post era verdadeiro. Qual é o valor das coisas hoje em dia? Ela nem quer a amizade desta vez. Ela até quer, não sei. Mas seria apenas mais um entre tantos melhores que ela tem! E como disse no post do título valor... ainda amo ela e fodasse o sentimento... pouco importa ele para ela.  A maioria das pessoas que tinham problemas naquele post, não se resolveram e desistiram. E existem outras que pedem conselhos ainda para mim!!! HA... HA... HA... se soubessem o quanto sou perdedor nesse delicado e profundo mundo do amor, jamais falariam a respeito.

Como sempre, todos falam que tenho valor e bla bla bla. Mas novamente, quem amo não diz isso. Acho que a mentira demorou tanto que ela cansou.  Sou um objeto! Um objeto de uso por opção para passar o tempo! Uma pessoa que incomoda a presença dela e que nunca poderia ter seu amor. Ah, que valor eu tenho para ela então? Ela disse que preciso eu primeiro ver meu valor! Ah, amor próprio e aquele monte de baboseiras certo? É... eu sei das coisas que tenho valor. Mas alguma importa para vc? Nem... sou facilmente trocado por pessoas lindas, graduados e filósofos de plantão. Ok, como competir atenção assim? Falar do meu sentimento nunca foi suficiente... fica difícil ver uma pessoa que quer ela bem falando algo. Mais fácil conversar com quem fala de filmes, livros e sentidos da vida toda. Por que... por que são sábios com idéias próprias. Não são medíocres que falam de pessoas, como estou agora falando de mim! O que me torna interessante então?

O valor... é algo importante isso em alguém. Ver que tem algo que seja visto e aceito como especial por outros. Eu me respeito, acreditando que os outros irão tbm enxergar isso. Mas para ela parece que sou insignificante. Tento aprender o real valor que temos, e o que nos cerca. Mas parece que isso está ficando cada vez menos valioso. Disseram que tenho valor extraordinário. Que não importa o quanto ela me humilhar, continuarei valendo o mesmo do começo. Eu sou único, assim como vcs tbm são. Mas ultimamente me sinto ultrapassado. Sabe quando a pessoa cansa de vc, no meu caso meu amor, e acha pessoas mais interessantes? Pois é, me sinto assim!

Hoje em dia, as coisas valorizadas são tão esquisitas e superficiais, e as pessoas esquecem de valorizar o importante. No meu caso foi meu amor sincero e verdadeiro que não tem valor nenhum. Mas dai vão vir e dizer "mas outra vai ver esse valor". Esse amor é de uma pessoa... não será igual com outra, por mais que digam que seja. E ele da forma mais pura e inocente, foi igualado ao nada. E desvalorizado da forma mais fria que poderia. Ela disse que já amou... que amor é esse? Dai pergunto se realmente tem como ver valor, no meu caso específico, no amor?

E amo ela... é... eu amo ela mesmo ela falando essas coisas!

Somos únicos, cada um tem seu valor. E sempre tentamos mostrar nosso valor para as pessoas que desejamos que nos valorize. Mas essas pessoas muitas vezes o tratará valendo menos do que vc parece. Mas não desanime. Seja sempre vc mesmo e mostre sua honra, seu caráter. E assim as pessoas vão enxergar o quanto vc vale nesse mundo. No meu caso... só quem amo está pouco ligando!

6 comentários:

  1. Andei pensando... e de coração eu digo, amo a Tuany. Da forma mais linda que existe. E o que a Nanda postou no blog dela, mesmo sendo curtinho, mas falando de mim. Eu vi como ela está certa! Eu só tenho que me desculpar por ser tão impulsivo. Falar demais sempre. Eu agi da forma mais idiota que poderia criticando e falando besteira da única pessoa que desejo nessa vida. Por que ela, infelizmente, não deseja meu amor.

    Só tenho que agradecer. E mostrar sempre que ela faz parte sim do meu coração. E como diz Shakespeare "Mostrar motivos para fazer ela ficar!"

    Eu te amo Tuany. Nunca se esqueça disso nenem...

    Obrigado Nanda, em pequenas palavras. Mostrar um sentido forte para o que sou.

    Desculpe todos do blog!

    ResponderExcluir
  2. Ela com certeza nunca esquecerá do seu amor - que sem duvidas é verdadeiro - mas eu e muitas outras pessoas amigas suas querem ver você de bem com a vida, torço para que um dia desses eu leio algo que diga que teus sorrisos sejam por amor!
    Abraços amigo... vc é muito especial na vida de muita gente inclusive da minha!

    ResponderExcluir
  3. Vou torcer para ela ser feliz de coração. Vou chorar às vezes (como faço agora, sei que sou emotivo quando falo dela), mas sei que ela vai ser feliz. Não deixarei de amar ela Nanda... sempre amarei ela. Mas prometo sorrir pela minha vida em todos os aspectos. Menos no amor, que só pertence a ela. Vc tbm é especial assim como todas as pessoas que tem esse carinho. Valeu :)

    ResponderExcluir
  4. "Between who you are and you could be, between how it is and how it should be. I dare you to move"

    ResponderExcluir
  5. "Cada qual sabe amar a seu modo; o modo, pouco importa; o essencial é que saiba amar."

    ResponderExcluir
  6. O modo pouco importa... ééééé. O que importa é estar cada um longe um do outro e ser feliz. O que importa é a palavra amar, não o que é sentido, ou buscar estar perto. Cada uma da sua maneira... seu modo. E entre o que vc é e o que poderia ser... entre como é e como deveria ser... sempre somos desafiados a mostrar ações, ao invés de palavras. No meu caso, o "mostrar" não depende só de mim, infelizmente. Acontece.

    ResponderExcluir