terça-feira, 21 de junho de 2011

Na sombra do colosso



Nessa batalha impossível que vai travar, o jovem herói parte sem medo.
No seu cavalo ele parte veloz rumo ao inimigo.
Com sua espada e arco em mãos ele cavalga seguindo a luz.
A luz que levará para sua fatal arena.

Ele não tem medo! Ele deu sua palavra para os deuses!
Ele prometeu salvar seu amor, mesmo que dê sua vida para isso.
Ele entra na arena esperando o inimigo, e ele sente perto!
A terra treme ao seu redor! O cavalo está inquieto.
Ele sabe o que está por vir! O dia vira noite. 
E o sangue irá cair!

Seu inimigo está na sua frente! Ele encara seu monstruoso inimigo.
E na sombra do colosso ele parte para o ataque!
Pensando apenas em dar tudo de si. Fazer um milagre!
Por que ele luta não por ele, mas por seu amor!
Pelo que acredita e jurou! 

Ele não se arrepende! Ele não olha para trás!
Ele apenas quer derrubar o primeiro e seguir até o fim!
Pois só assim os deuses irão trazer seu amor de volta.

Ele luta ferozmente com o colosso. Com arco e espada,
ele procura os pontos de fraqueza do gigante! LUTE JOVEM HERÓI!
Seus olhos brilham! Ele está feliz apesar do fatal perigo que corre!
Ele olha para o gigante monstro de olhos vermelhos, e pensa: 

"Lindo dia para morrer! Mas não hoje!"

Ele assobia para seu cavalo, fiel companheiro!
E parte para sua glória. Glória do amor! 
Motivo absoluto de sua jornada! Seu sonho!

Ele parte sempre lutando...
... por que sonhos nunca morrem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário