quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Hybrid Reverie - Alexander Maximum

Hybrid Reverie é uma história que escrevi a muito tempo atrás, que conta a luta da humanidade contra seus próprios erros. É uma história que aborda muito o que somos! O que podemos se tornar! O que a ambição nos faz buscar! E o principal para mim, que a vida, é de todos! E não capricho de alguns! Uma história que fala como o ser humano atinge medidas desesperadas para sobreviver... que até a alma vendem! Vou falar sobre um dos personagem destaque da história. Ele seria do grupo humano! Falaria resistência, mas como vocês irão ler, ele não tem nada de bom nessa história. Ele seria praticamente o médico e o monstro!

Alexander Maximum

Alexander Maximum se intitula como o salvador da humanidade! Ele busca uma solução para que a raça humana sobreviva depois da destruição causada pela 3° Guerra Mundial. A Terra está em colapso. A guerra custou muito caro no processo evolutivo do planeta. Muitas coisas que poderiam ser achadas em abundância, estão extintas, e isso fez com que a população fosse reduzida num verdadeiro genocídio em escalar inimagináveis. Os poucos sobreviventes estão vivendo em pequenas cidades pelo globo que ainda tem condição de vida. Mas o consumo exagerado e desenfreado dos seres humanos colocam em risco a sobrevivência da raça. Alexander, um dos grandes, ou então o maior gênio vivo da atualidade, começou a buscar uma forma de suprir as necessidades básicas do ser humano, para que assim a raça pudesse sobreviver. A principal, ou talvez mais importante de todas, é a quase total falta de luz solar! A guerra biológica e nuclear causaram danos extremos no nosso sistema, e as nuvens causadas por esses dois componentes criaram uma barreira quase impossível de se eliminar no planeta. Alexander é uma pessoa extremamente orgulhosa do que é e arrogante para ouvir outros! E começou a fazer testes com cobaias humanas buscando meios de conseguir achar a próxima etapa da evolução. Fez experiência com todas as possibilidades possíveis, até que na experiência n° 31.220.979-C, criou a experiência que seria a sua maior criação! Criou um híbrido da fusão de genes humanos com genes de morcegos, acreditando que com isso, acabasse com a necessidade da luz solar na vida humana. E chamou a experiência de Kain!!!! Ele tentou criar outros, mas sem sucesso. Kain era a obra prima do seu criador! Mas Alexander não sabia com o que estava mexendo! A cobaia Kain era imprevisível! E um de seus testes a cobaia acabou se soltando e atacando a equipe de cientistas. Muitos morreram no ataque, e o seu filho, Anthony Maximum foi ferido gravemente! Kain fugiu, e Alexander prometeu caçá-lo pelo resto de sua vida! Anthony foi levado para tratar se seu ferimento, e os médicos disseram que ele não teria salvação. Alexander sabia o que poderia salvá-lo, e seu filho se tornou o n° 31.221.785-C. Alexander viu o que mais amava, se tornar o que mais odiava! E para não matar seu próprio filho, ele o soltou na noite! Arrasado, ele abandonou o projeto "Nova Era". Com os anos, os híbridos começaram a aumentar em uma escala assustadora. E Alexander viu que tinha que acabar com isso. E novamente usando seu intelecto, começou um novo projeto... o projeto " Mão de ferro". Começou a criar homens... máquinas... no que ele chamou de a verdadeira etapa da evolução. Igualou a balança contra os híbridos. O cibernético Scott Marshall ( Whirlwind), Celicia Leyer e o robô Bellicus se tornaram a voz de Alexander e seus generais para o que sobrou no mundo. E sua arma contra Kain pela dominância dessa nova era que se formou... 

"Não importa os meios, desde que os faça!" (Alexander Maximum)

Nenhum comentário:

Postar um comentário