terça-feira, 2 de agosto de 2011

A verdade que faz bem



Se esconda! A vergonha a cerca!
Se ajoelhe diante do seu criador! Seu dono!
Não mostre mais seu rosto! Não mostre mais quem é!
Deixe o que ele manda moldar você! Mostrar o que quer ser!
Parasita sem vontade! Tola saltitante da "liberdade"!

A vergonha da ação caminha com você!
Com o orgulho do que pode ter!
Orgulho? tsc...

Se cubra aos poucos, o cheiro está chegando aqui!
Podre! Sem vida! Deixe a tinta cobrir você!
Mostre apenas a casca que faça todos sorrir! Não precisa de rosto!
Não precisa se importar com o que sente! Uma alma!
Só não deixe descascar! E use um perfume!

Seja como todos querem que você seja!

Ela aceita essa simbiose! Se tornando uma só!
Caminhando com seu medo assustador de não ser aceita!
Claro que não! Ela não esconde essa cara e nem vai embora!
Não peça para correr. Por que precisa correr?
Ela não precisa!

Se tornou o que queria escondendo o que é!

E assim ela caminha entre nós. Sem que ninguém saiba quem realmente ela é!
Tornando o que sente um mero respeito entre o próximo.
Deixando extinguir tudo que abastece essa "vida". Para assim procurar outro!
Alguém a ajude!? Precisa?

Claro que não! Ela tem seus "sonhos"!
E a mentira dos sonhos é completa para ela!
Por que ela aceita esse "véu" em sua vida!
Ela aceita o valor que ela colocou se vendendo!

Cada um sabe o quanto desce os degraus do inferno com suas ambições!

Nenhum comentário:

Postar um comentário