quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Sabe...



Sabe, eu sempre pensei que estaria sozinho! E nunca me preocupei em sentir!
Mas um certo dia te conheci, e isso que sempre pensei, parou de existir!
Tu és única em meu mundo! Não importa a distância ou tua ausência duradoura!
É a ti que meu corpo pede para tocar, e meu amor completar. Saciar!
E estou aqui, nesses dias tristes sem você dizendo
Que eu te amo! E sempre vou amar você!

Talvez eu seja um tolo sonhador! Quem sabe!
Mas maior prova de amor, eu ainda posso dar. Se você assim me chamar!
Por que te quero, meu amor! E isso você sabe que sempre vou falar!
Não diga que o tempo vai passar e muito menos outra vou encontrar!
Por que estou aqui, querendo você em meus braços, para nunca mais soltar!

Tenho medo de não ser suficiente! 
E o tempo mostre que apenas de mim você ficou ausente!

E novamente estou só! Em um enorme mundo só!
Desejando apenas você! Que tem tudo que eu quero dar!
Esquecendo as outras que você diz para eu procurar!
Por que isso que mostro é amor! 
E se não for, o que mais seria isso que quero mostrar?

Estou aqui escrevendo sem parar. Tentando aliviar, e pedindo para Deus te mostrar.
Que tudo aqui que faço, é apenas coisas, de um cara que quer te cuidar.
Com você em meus braços... sem nada nesse mundo para abalar.

Eu acredito em você!
E se tal amor não for suficiente, então diga-me. 
Para que então eu grite para o mundo todo que te amo!
E faça ela se calar!

Acredite! Por que te espero.
E só com você eu quero estar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário