segunda-feira, 30 de abril de 2012

Prisoneiro do falso amor



Livre! Livre de mentiras, de falsidade e dos sem amor!
Livre para voar, sem ser preso nas mentiras que jogam no ar.
Pesando ele, deixando você no chão, sem poder se levantar.
Livre... dos jogos daqueles que diziam amar!

Voe! Voe para longe daqueles que te seguram.
Mostrando se uma coisa em seus ouvidos, e outra em seu olhar.
Voe para onde a verdade em seu coração está.
Deixando a luz desse amor para a felicidade te guiar.

Não desista! Não se prenda! Lute! Sempre!
Sem se envolver nos caprichos, daqueles que apenas querem te usar.
Deixando em uma gaiola preso, vindo apenas te ver para cantar.
Esquecendo que quem está preso ama, e mesmo assim mente para seu ego alimentar.

Sinta... a vida é apenas uma...
Deixe seu coração livre, para um amor real buscar.
E se aquele que te prendeu te ama, ele faz tudo para você voltar.
Sem mentiras, sem prisões... deixando apenas a verdade te abraçar.

Não obrigando você a fugir, e por essa corda bamba de sentimentos,
empurrar você para cada lutar. Se equilibre! Mantenha a força!
E jamais desista de buscar um lugar real para amar.
Onde ninguém cuspa mentiras para você, te jogando em qualquer lugar.

Amar vale a pena! Mas deixe que esse amor ser verdadeiro, sem nunca se sacrificar.
Vendo que a pessoa que você ama apenas te usa. Apenas mente para você ficar.
Quem ama é verdadeiro! Então se quem mente ama, trate então de mudar.
Mostrando ser digno desse sentimento, deixando livre para voar.

Acredite! Amar vale a pena!
E ser amado vale muito mais!

Não se prenda a mentiras...
Por que nas mentiras, as pessoas apenas querem te usar.
Fazendo feridas, que nem o tempo pode cicatrizar.

Lute!

E deixa o amor verdadeiro forte.
Para uma pessoa encontrar...
... e livre com ela voar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário