sábado, 26 de maio de 2012

Devoradora de almas



Ela voa procurando um amor.
Que a satisfaça, nenhum amor retornar.
Voando de longe, dançando na liberdade e no fogo.
Caçando sua vítima, para todo o sangue sugar.

Aqui está ela! Amando a ti como nunca alguém amou.
Esperando o momento certo para te trair, e arrancar seu coração.
Se deleitando com seu sofrimento, sem ao menos uma lágrima soltar.
Abrindo seu peito com suas garras, para seu coração ela pisar.

Cuidado! Ela vem do nada entrando em sua vida.
Com seu jeito encantador ela chega, não dando tempo para se preparar.
Conquistando seus sentimentos, deixando você de joelhos querendo amar.
Devorando aos poucos suas energias, até nenhuma esperança suspirar.

Lá vem ela! Dançarina do fogo, da escuridão.
Livre para ir para onde quiser, livre para outro homem machucar.
Com seus desejos e caprichos, que não se importam com que vai amar.
Apenas satisfazendo sua ânsia, com mais um corpo sugado, jogando-o em qualquer lugar.
Esperando outro aparecer,  para novamente o amor exalar.
Deixando ele apaixonado, mais uma vítima em seu altar.

Ela voa através do real, do imaginário, cativando todos com seu olhar.
Até o momento que a verdadeira face, ela mostra para te derrubar.
Sugando sua vida, e esse amor que você deseja dar.

Ela está solta! Esperando outro para brincar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário