quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Controle



Devoro meus sonhos, rasgando meu tesão pensando em você.
Mordendo os lábios com a minha mão escrevendo seu nome.
Queimando esse amor com seu corpo junto ao meu.

Aperto suas pernas, subindo a cada toque sentindo cada lugar.
Olhando os olhos da mulher que amo deixando minha boca te devorar. 
Descontrolado, batendo forte meu coração nas idas e vindas 
que juntos expressamos sem nenhuma vontade negar.

Me jogue na cama! Suba em cima de mim! Tome o controle!
Gema! Rasgue meu corpo com sua vontade!
Me puxe para dentro explodindo esse tesão.
Soe comigo! Esfregue seu corpo! Pressione com seu toque!

Me queime andarilha, do vento sem rumo!

Aperte minha alma! Beije minha boca!
Force meus músculos! Atice minha imaginação!
Deixe ficar por cima! Arranhe em minhas costas!
Morda meu corpo! Puxe meu cabelo! Sorria para mim!
Encaixe com vontade! Puxe! Empurre! Grite meu nome!
Me abraçando quando seu tesão saciar.

Deixe pegando fogo quando você começar novamente a dançar.

Venha, deixe a saia rodar. Me atice com seu jeito, não deixando a magia acabar.
Tome meu corpo! Leia minhas linhas! Cruze seu corpo com o meu!
Satisfaça meu tesão nas linhas do nosso destino.
Mexendo nossos corpos rápido e forte, até a energia acabar.
Quebrando as correntes que nos prendem, até não mais aguentar.

Suba em cima de mim, para mais uma vez você me dominar!

2 comentários:

  1. Parabens The Cat Ninja!! A Cigana amada se sentirá orgulhosa deste poema!
    Demonstraste todo o teu amor, fogo, paixão e vida!
    Baxt hai sastimos tiri patragi!
    Optchá, beijos iluminados

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelo carinho. Demonstração de amor é sempre importante nos dias de hoje.
    Beijos iluminados para você tbm!

    ResponderExcluir